MEUS VÔOS

sexta-feira, 16 de outubro de 2009


Ato de Amor

Me ame com teu jeito mais gostoso,
Derrame sobre mim todo o teu corpo
Sinta meu cheiro, meu suor envolto
Que sentirás o quanto me és desejoso.

Coloque-me sentada, talvez deitada
Mordisque cada parte dos meus seios
Deixe-me latejante, quente, esgotada
Serei a seiva que corre em teus veios.

Entre em mim como se fosse meu dono
Rasgue minhas vestes, com tua audácia
Morda meu corpo, perturbe meu sono

Ame o momento com tamanha sofreguidão
Mostre o caminho, esqueça a razão
E saberás que jamais te esquecerei.
(Mérci Benício Louro)

3 comentários:

Loucopoeta disse...

...

Pelo teu "Ato" vagueei
Mil sonhos de "Amor"...
Pelo teu "Ato" senti calor
No "Amor" que tanto sonhei!

Obrigado por me fazer sentir
Tudo quanto a tua alma...versa!

Beijo...Mérci!

...

El Brujo disse...

Te alimento com meus versos
com letras de todos alfabetos
serei teu poeta mais correto
nos teus desejos mais incertos


Quero seguir mais não tem o gaget seguidores!
beijos e uma ótima semana!

Moto disse...

simplesmente d++++...
bjos linda,,,